O brincalhão

O pobre coitado foi obrigado a inventar a sua própria morte para se livrar da mulher– chata. Estava escrito em seu obituário: Entregue minhas cinzas ao meu único amor. A mulher tem em sua sala uma linda urna com cinzas de um churrasco maravilhoso que ele oferecera aos amigos antes de desaparecer.


Paulo Francisco

Nenhum comentário: