Engano


Na certeza do outrem, achou que podia. Enforcou-se com a própria corda. Morreu de raiva, morreu de vontade, quando já era tarde.


 Paulo Francisco

Um comentário:

SOL da Esteva disse...

Paulo, Amigo

A morte é "coisa" para as limitações da Vida.
Porque morrer sem a companhia da Paz?
Sempre é cedo para morrer!



Abraços



SOL