Segunda-Feira

Era certo. Quando aparecia no trabalho na terça-feira, todos sabiam que a segunda não foi de brincadeira. O homem sempre chegava de mansinho, passos curtos, a cabeça pouco mexia tamanho o seu peso, era sempre assim, as dores no corpo sinalizavam, que a segunda fora perfeita.
Raro uma terça-boa, quando isso acontecia era, sem duvida nenhuma, reflexo da inexistência da segunda.
Copos e mais copos de água deixavam-no reabilitado logo, assim, a terça não era improdutiva, cumpria com suas obrigações.
O que ninguém entendia era que a mazela de terça-feira era importantíssima para sua vida. Quando a terça passava como um dia qualquer, podia-se apostar que algo de errado estava acontecendo com ele. Um amigo, sabendo de sua rotina, ao vê-lo passar se arrastando em passos curtos e corpo duro, pergunta:
- E aí? Como foi sua segunda-sem-lei? Ele responde, sem mexer muito o corpo em frangalhos:
- Perfeita!
O camarada não bebia no final de semana, odiava compromissos de sábado e domingo e por isso, adotou a segunda–feira para se divertir, jogar conversa fora com alguns amigos, ou não. Saía do trabalho como se fosse para uma festa. Ao contrário dos outros dias, na segunda, ele estava com sua melhor roupa e mais perfumado. Na segunda, ele sabia que só encontraria profissionais da noite, pessoas que sabiam o que estavam fazendo. Não esbarrava com alcoólicos amadores de finais de semana; não encontraria casas cheias e barulhentas. Odiava mesas repletas de pessoas comemorando o aniversário de alguém. Exclamava sempre:
- Vão comemorar em casa, porra!
Se estivesse num local e ouvisse aquele coro de parabéns pra você... saía imediatamente.
Então enchia a cara no dia em que todos estavam de ressaca.
Vai entender!
Ah! Pior que ele não era o único.



(Encontrei esse texto num outro blog. Mas o lugar dele é aqui rs)

7 comentários:

✿ chica disse...

Muito legal e a imagem perfeita também... Que bom ter essa criatividade de ,não gostando da mesmice, achar algum dia pra chamar de "seu"! abração,chica

Maria Luiza disse...

Muito legal! Adorei! Imagem perfeita, Paulo! Está parendo comigo, sem encher a cara, claro. Detestava o sábado e o domingo e se de repente ouvia a tal musiquinha do Fantástico, queria enforcar alguém! A segunda era comigo mesma! Produtiva, a todo vapor. Hoje? Bem vivo de boa todos os dias como se fossem feriado. Meu abraço!

Ivone disse...

Amei ler, nossa, achei o máximo essa criatividade para fazer a segunda-feira, que é odiada por muitos, ser o dia perfeito para alguém, rsrs!
Abraços meu amigo criativo, tenhas uma linda semana que começa hoje né?

Gracita disse...

Alguém conseguiu dar um novo significado para a segunda feira e fez deste o dia mais especial da sua semana. Criativo demais
Uma linda semana para você Paulo
Beijos

Vera Lúcia disse...


rsrs...

Sem dúvida, o lugar deste texto é aqui-rs.
E esta ilustração, hein? Parece que estou vendo a cara do "cara" na terça-feira-rs.
Bem original ele... e o outro, na escolha da segunda-feira para ser o seu dia sem lei.
Adorei a leitura-rs.

Obrigada pelos versos de Vinicius.

Feliz semana!

Beijo.

António Jesus Batalha disse...

Ao passar pela net afim de encontrar novos amigos e divulgar o meu blog, me deparei com o seu que muito admiro e lhe dou os parabéns, pois é daqueles blogs que gostaria que fizesse parte de meus amigos virtuais.
Pois se desejar visite o Peregrino E Servo. Leia alguma coisa e se gostar siga, Saiba porém que sempre vou retribuir seguindo também o seu blog.
Minhas cordiais saudações, e um obrigado.
António Batalha.
http://peregrinoeservoantoniobatalha.blogspot.pt/

Anônimo disse...

Bem a sua cara!